Dica de especialista: Cozinhar durante isolamento pode ser um bom passatempo

Passar dias inteiros dentro de casa pode ter suas vantagens. Em tempos de isolamento social, imposto para grande parte da população mundial, cozinhar pode se tornar um grande aliado para ajudar a passar o tempo. E nem precisa contar com toda estrutura churrasqueira, dá para usar o fogão mesmo e preparar pratos incríveis.

É o que tem feito Paula Labaki, assadora profissional e especialista VPJ Alimentos. Longe dos pits e das grelhas por enquanto, ela criou uma rotina diária de trabalho e todos os dias posta uma nova receita em seu perfil no Instagram.

Cozinhar é uma excelente oportunidade para aprimorar seus dotes culinários e deixar a família toda feliz com novos pratos todos os dias. Ai não tem nem como reclamar da rotina quando se descobre novos sabores.

Labaki mostra que dá para preparar grande parte dos cortes de carne no fogão ou no forno. Maminha, costela, ponta de feito, lagarto, coxão duro são alguns cortes que ficam saborosos e suculentos quando preparados no forno.

Já cortes como o contrafilé, picanha e alcatra são cortes perfeitos para preparo na frigideira. E se tiver em casa uma frigideira de ferro, a carne pode ficar com aquele gostinho irresistível de churrasco.

RECEITA DE MAMINHA

Abaixo, deixamos para você uma receita especial da Paula Labaki, de como preparar uma deliciosa maminha no forno. Para acompanhar outras receitas da assadora, é só acompanhar seu perfil no Instagram: @plabaki. Tem receita nova todo dia.

maminha VPJ

CUIDADOS ESPECIAIS

Segundo médicos, é seguro pedir delivery, mesmo durante a crise do coronavírus, mas alguns cuidados devem ser tomados. A maioria dos estabelecimentos está trabalhando com serviço de entrega, o que diminui bastante o risco de contágio.

A entrega sem contato é praticamente impossível e tanto o cliente como o entregador precisam higienizar as mãos logo após a entrega. E mais importante, não levar as mãos ao rosto e não encostar em maçanetas, corrimãos, elevadores ou portões.

O uso de álcool gel ou álcool 70% na higienização das embalagens é indispensável. Caso não tenha álcool em casa, vale lavar com água corrente e sabão. Apenas depois de higienizada a embalagem é seguro manusear a carne sem perigo de contágio.

Importante descartar a embalagem imediatamente e higienizar pias e balcões que tiveram contato com o produto.